close
Inovação Tempo de leitura: 2 minutos

Colour Cosmetics terá crescimento milionário até 2023

Oriente Médio lidera crescimento do setor que aposta em produtos que melhoram a aparência

Por: Caroline Borges

O ano de 2022 promete trazer as cores de volta. Após vivenciar as incertezas da crise pandêmica, o mercado global de colour cosmetics – que engloba produtos usados ​​para melhorar a aparência ou conferir aroma ao corpo humano – está projetado para atingir US $9.555 milhões até 2023.

Segundo pesquisa realizada pela Allied Market, esse dado reflete o aumento das preocupações relacionadas à aparência e ao crescimento da renda disponível nas economias emergentes, como Índia, Brasil e Indonésia, o que vem impulsionando o setor. 

Veja aqui a pesquisa completa

Os cosméticos coloridos incluem maquiagem facial, cuidados com as unhas e lábios, maquiagem dos olhos, além de produtos que prometem reverter o envelhecimento da pele e os auto bronzeadores. O consumo global é segmentado com base no mercado-alvo, aplicação e geografia. Prevê-se que o segmento domine o mercado devido à inovação e acessibilidade. Para a pesquisa foram analisados os hábitos de consumo na América do Norte, Europa, Ásia-Pacífico e LAMEA (América Latina, Oriente Médio e África).

Ásia deve testemunhar a maior taxa de crescimento no mercado global

Devido à alta demanda das economias emergentes como Índia, China, Indonésia, entre outras, espera-se um crescimento da independência monetária das mulheres trabalhadoras, o que gera a demanda por cosméticos coloridos. Além disso, o aumento da renda disponível, o aumento do padrão de vida e o aumento da conscientização sobre a aparência impulsionam o crescimento do mercado na região da Ásia.

A  Coréia do Sul está no ranking do mercado mais lucrativo para os fabricantes no futuro próximo, devido à disponibilidade de ingredientes naturais, como bambu moído, algas marinhas, e cogumelos Tremella, que são tendências em cosméticos coloridos e produtos para a pele. Esses cosméticos naturais são conhecidos como K-Beauty e, também, testemunham um rápido crescimento nos últimos anos.

Crescimento constante

Em 2016, o segmento de maquiagem facial teve a maior participação, registrando um CAGR de 7,5% de 2017 a 2023. O segmento de maquiagem facial é impulsionado por produtos com múltiplos benefícios, como por exemplo, proteção solar.  Ademais, ainda existem muitas inovações nesse segmento, como a criação de bases que oferecem cristais captadores de luz.

O Brasil é considerada a quarta maior indústria de cosméticos do mundo. No entanto, estima-se que a conscientização sobre a aparência nos países do Oriente Médio, como Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e Egito, cresça em um ritmo mais rápido do que os países da América Latina. Esse crescimento nos países do Oriente Médio – que, também, apostam em cosméticos Halal – se deve à urbanização e ao aumento da renda disponível.